terça-feira, 10 de abril de 2018

Apresentação pública dos trabalhos de conclusão do curso de Pós-Graduação/Especialização EAD



Aconteceu nos dias 05, 06 e 07 de abril a apresentação pública dos trabalhos de conclusão do curso de Pós-Graduação/Especialização EAD. 

Desejamos sucesso aos novos especialistas!
 
Informamos que as inscrições para o segundo semestre de 2018 já estão abertas. Mais informações no site: http://www.ulbra.br/pos/especializacao/ead


 Confira o álbum de fotos: https://photos.app.goo.gl/NTj2B6EzpWpmQdRC3

quinta-feira, 29 de março de 2018

Oficina: Contação de Histórias Infantis


Aconteceu no dia 28 de março a oficina: Contação de Histórias Infantis: a imaginação e criatividade a partir dos Direitos Humanos com as professoras Joseane Oliveira dos Santos.






sexta-feira, 23 de março de 2018

Cine Debate

No dia 22 de março aconteceu o Cine Debate com a exibição do documentário “Crianças Invisíveis” e discussão com os professores Iásin Schäffer Stahlhöfer, Letícia Thomasi Jahnke e Vanessa dos Santos Nogueira.
A atividade faz parte da programação da Ação Comunitária Integrada Violência e Direitos Humanos. Saiba mais sobre a programação no site: https://bit.ly/2DOP3ta.

Ação Comunitária Integrada Violência e Direitos Humanos

Aconteceu no dia 21 de março a palestra com o Prof. Dr. Clovis Gorczevski com o título: Ensino jurídico no Brasil: revolucionário ou mantenedor do status quo?
A atividade faz parte da programação da Ação Comunitária Integrada Violência e Direitos Humanos, considerando que a luta pela garantia dos Direitos Humanos de forma universal é de toda a sociedade. Saiba mais sobre a programação no site: https://bit.ly/2DOP3ta

segunda-feira, 19 de março de 2018

Cine Debate

No dia 22 de março teremos a exibição do documentário “Crianças invisíveis” e discussão com os professores Iásin Schäffer Stahlhöfer, Letícia Thomasi Jahnke e Vanessa dos Santos Nogueira.

A atividade acontece no Miniauditório da ULBRA Santa Maria e vale horas complementares para os alunos da EAD, não é necessária inscrição, somente assinar a lista de presença.


Sinopse:
Seja coletando sucata nas ruas de São Paulo ou roubando para viver em Nápoles e no interior da Sérvia, os filmes são protagonizados por personagens infantis que lidam com uma dura realidade, na qual crescer muito cedo acaba sendo a única saída. 

Título Original: All the Invisible Children 
Gênero: Drama 
Duração: 116 min. 
Ano: Itália - 2005 
Distribuidora: Paris Filmes 
Direção: Mehdi Charef, Kátia Lund, John Woo, Emir Kusturica, Spike Lee, Jordan Scott, Ridley Scott e Stefano Veneruso

Saiba mais sobre os curtas (por Marcus Tavares da revista.com): 

– Bilu & João, de Katia Lund, Brasil
Um dia na vida de Bilu e João, duas crianças empreendedoras que se esforçam para tocar a vida nas ruas de São Paulo. Seus tesouros são latas vazias, papelão, placas e pregos retirados do lixo, objetos que a sociedade já jogou fora. Deparando-se, simultaneamente, com a infância e a vida adulta, as crianças usam a imaginação para transformar a paisagem urbana em seu playground, as recusas em retribuição, e os obstáculos que enfrentam em sonhos para seguir adiante.

– Ciro, de Stefano Veneruso, Itália
Ciro é um garoto da periferia de Nápoles, na Itália. Ele mora em um conjunto habitacional de cimento armado, parte do projeto de construções erguidas pelo governo, após o terremoto de 1980. Lá, a classe mais baixa e em reclusão paga as contas de sua existência diária, da mesma forma que os que vivem nos luxuosos apartamentos decorados, em ruas famosas. Ao lado de seu amigo Bertucciello, ele assalta um motorista para tentar roubar-lhe o relógio. Ciro quebra uma das janelas do veículo com um martelo e o vidro estilhaçado voa por todo lado. Em seguida os dois garotos saem em disparada, seguindo direções diferentes, rumo ao imprevisível.

– Jonathan, de Jordam Scott e Ridley Scott, Inglaterra
Jonathan é uma história sobre um fotógrafo jornalista, um homem introspectivo, cujas missões o deixaram desiludido da vida e completamente perturbado. Ele sonha com a liberdade daquilo que já viu e é obcecado pela felicidade, a todo custo. Isto é algo que ele tanto quer, que, ao decidir fugir, ele regressa fisicamente à melhor época de sua vida, e embarca numa aventura, redescobrindo a essência dos tempos de infância. As crianças que ele conhece nessa trajetória, o inspiram e desafiam a abraçar novamente a sua própria vida.

– Marjan, de Emir Kusturica, Sérvia-Montenegro
Marjan, um garoto cigano de quinze anos. Já passou bastante tempo preso em um centro de detenção. A hora de sua libertação se aproxima e, conflitante, ele observa tudo com sentimentos confusos e misturados. Seu pai o obrigava a roubar, desde bem pequenino. Durante a cerimônia habitual de liberação dos internos, após a sua família lhe dar presentes, seu pai, sem ter o dinheiro para a passagem de trem de volta para casa, arma um de seus golpes familiares costumeiros, obviamente, envolvendo Marjan.

– Tanza, de Mehdi Charef, África
Fortemente armado, um grupo de sete jovens guerrilheiros de Ruanda vai ganhando terreno, em direção ao território do inimigo. O líder do grupo é o mais velho de todos, com vinte e um anos de idade. Os outros têm entre doze e dezesseis anos. Tanza, nosso herói, tem apenas doze. Conforme o grupo avança em sua missão rumo ao vilarejo inimigo, nossos jovens soldados se deparam com uma patrulha do exército, quando tem início um tiroteio. Kali, de treze anos, e melhor amigo de Tanza, é morto. Exaustos e quase sem forças, os garotos finalmente alcançam o destino de sua jornada. O líder prepara o cronômetro das duas bombas que foram secretamente trazidas até a aldeia, no local em que deverão ser detonadas. Depois entrega uma delas a Tanza. No meio da noite, o jovem segue até o alvo determinado, sem ter a menor idéia de que o prédio que ele deve explodir é, na realidade, uma escola, onde outras crianças iguais a ele deverão estar.

– Jesus Children of America, de Spike Lee, EUA
Blanca é uma adolescente do Brooklyn e sua rotina diária deveria ser a de ir para o colégio e se divertir com as amigas, não fossem suas visitas constantes à enfermaria, e a pobreza absoluta de seus pais. Após um incidente na escola ela finalmente descobre que é HIV soro-positiva, além de filha de pais viciados em drogas.

– Song Song & Little Mao, de John Woo, China

Little Mao é órfã. Ela é criada numa cabana por um velho mendigo. Eles procuram economizar cada moeda para que ela possa freqüentar a escola. Já Song-Song tem uma vida abastada, mas a situação de sua família acaba gerando angústia na menina. Os caminhos das duas se cruzam quando uma boneca que Song-Song jogou fora passa a ser a companhia mais valiosa de Mao.

Oficina

No dia 28 de março teremos a oficina: Contação de Histórias Infantis: a imaginação e criatividade a partir dos Direitos Humanos com as professoras Joseane Oliveira dos Santos e Vanessa dos Santos Nogueira.

A atividade é gratuita e aberta a comunidade, o participante só precisa trazer seu material.
Mais informações na ficha de inscrição: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSdULD0lWMLW6bQRb50evzt803Y0Cc8I4bIv66U3kQqyC71lvA/viewform

segunda-feira, 5 de março de 2018

Programação - DIREITOS HUMANOS 2018



Data
Curso Proponente
Atividade
Breve descrição da atividade proposta
Local
Horário
20/03/2018
Pastoral
7 Minutos Especial
Momento de música e mensagem relacionando confessionalidade aos direitos humanos
Capela da ULBRA Santa Maria
18:50 – 19:00
21/03/2018
Extensão e Polo EAD
Palestra
Palestra com o Prof. Dr. Clovis Gorczevski com o título: Ensino jurídico no Brasil: revolucionário ou mantenedor do status quo?
Miniauditório da ULBRA Santa Maria
19:00 – 22:00
26/03/2018
Pastoral e Curso de Direito
Mesa redonda
Reflexão de Páscoa: análise do julgamento de Jesus
Auditório da ULBRA Santa Maria
19:00 – 22:00
28/03/2018
Polo EAD e Curso de Pedagogia EAD
Oficina
Contação de Histórias Infantis: a imaginação e criatividade a partir dos Direitos Humanos com as professoras Joseane Oliveira dos Santos e Vanessa dos Santos Nogueira
Sala 201/1
19:00 – 22:00
22/03/2018
Extensão e Polo EAD
CineDebate
Exibição do documentário “Crianças invisíveis” e discussão com os professores Iásin Schäffer Stahlhöfer, Letícia Thomasi Jahnke e Vanessa dos Santos Nogueira
Miniauditório da ULBRA Santa Maria
19:00 – 22:00